Atendendo às notícias vinculadas pela OMS sobre a COVID-19, à Orientação 006/2020 de 2020.02.26 da DGS sobre “Infeção por SARS-CoV-2 (COVID-19) – Procedimentos de prevenção, controlo e vigilância em empresas” e não pretendendo contribuir para qualquer tipo de alarmismo, a RCF PI aprovou e pôs em prática procedimentos e condições para poder continuar a dar resposta às solicitações dos seus clientes e parceiros, em caso de agravamento da situação.

Os procedimentos adotados incluem:

  • Medidas de prevenção e higienização das instalações;
  • Níveis de substituição de colaboradores, em caso de doença;
  • Adoção das Orientações propostas pela DGS;
  • Disponibilização de condições técnicas e de segurança para a implementação de um possível regime de Teletrabalho, em que os trabalhadores possam aceder aos meios técnicos adequados (servidores e Bases de Dados da RCF-PI.

Julgamos ter tomado medidas e estar aptos para enfrentar qualquer eventualidade e constrangimentos, garantindo, por um lado, a segurança dos trabalhadores e, por outro, o funcionamento da empresa, procurando minimizar efeitos que possam afetar os colaboradores e a própria empresa.